Menu

“Eu não chegaria onde cheguei se não fosse por Deus”, afirma Rebeca Andrade

20 SET 2021
20 de Setembro de 2021
A ginasta, medalha de ouro nos Jogos Olímpicos 2020, contou como sua fé não deixou ela desistir.

Na última terça-feira (14), Rebeca Andrade falou sobre a sua  cristã em uma entrevista com Karina Bacchi. Quando a atleta subiu no pódio mundial nos Jogos Olímpicos de 2020 ela deu o crédito da sua conquista a Deus e a sua família.

“Eu não cheguei onde cheguei se não fosse por Deus”, afirmou a ginasta na sua participação do Positivamente Podcast que iniciou a sua 4ª temporada tendo a Bacchi como apresentadora.

Rebeca contou que desde cedo sua mãe lhe ensinou sobre Deus, então falar dEle é natural para ela, é algo que ela sente dentro de si e que simplesmente sai.

Ao todo, ela tem 7 irmãos, e todos foram criados na fé cristã, sendo um deles pastor.

“Se não fosse pela minha família eu não seria essa pessoa. Eu fui ensinada desde quando eu nasci até os 10 anos, só. Eu poderia ter me tornado outra pessoa, porque eu tive experiências e vivências com outras pessoas, mas a minha fé foi mais forte do que isso”, explicou.

A força que vem de Deus

A ginasta passou por três três lesões no joelho, em 2015, 2017 e 2019, nesses momentos ela pensou em desistir.

“Se não fosse pela minha família eu não seria essa pessoa. Eu fui ensinada desde quando eu nasci até os 10 anos, só. Eu poderia ter me tornado outra pessoa, porque eu tive experiências e vivências com outras pessoas, mas a minha fé foi mais forte do que isso”, explicou.

Depois disso, Rebeca teve várias outras experiências com Deus, que levou ela a orar mais e profetizar sobre a sua própria vida. Sua é deu a força que ela precisava para vencer todos os desafios e chegar onde está.


Fonte: gospel prime

Voltar
Tenha também o seu site. É grátis!